Prefeito de Caldas Novas, Evandro Magal é preso em operação contra fraudes e lavagem de dinheiro, diz MP-GO

O prefeito Evandro Magal (PP) foi preso, nesta quinta-feira (13), em uma operação do Ministério Público Estadual de Goiás (MP-GO) que apura fraudes em licitação, pagamentos de propina e lavagem de dinheiro na Prefeitura de Caldas Novas, na região sul de Goiás. De acordo com o MP-GO, além de Magal, outras 7 pessoas, entre agentes públicos e empresários, foram presas. A assessoria de comunicação da Prefeitura de Caldas Novas informou à TV Anhanguera que o prefeito Evandro Magal, por meio da assessoria jurídica informa que “se encontra à disposição da Justiça…

Read More

Operação prende agentes prisionais suspeitos de receber propina e dar regalias a presos em Goiás

Uma força-tarefa coordenada pelo Ministério Público Estadual de Goiás (MP-GO) prendeu, nesta quinta-feira (28) um agente prisional e três ex-agentes, em Goiás. Segundo o MP-GO, eles são suspeitos de receber propina em troca de favorecer regalias a presos, como transferências e saídas ilegais do presídio. São cumpridos outros seis mandados de condução coercitiva, quando os envolvidos são levados à delegacia para depor, e 11 de busca e apreensão. De acordo com o promotor de Justiça Ramiro Carpenedo, do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado do MP-GO, os…

Read More

‘Cunha distribuía propina a Temer, com 110% de certeza’, diz Funaro

BRASÍLIA — “Eduardo Cunha redistribuía propina a Temer, com ‘110%’ de certeza”. A frase, que liga o presidente Michel Temer ao ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha, está em um dos depoimentos prestados em 23 de agosto pelo delator Lúcio Bolonha Funaro, apontado como operador de políticos do PMDB em esquemas de desvio de dinheiro público. Nos depoimentos, há várias citações a casos em que Temer, Cunha e outros integrantes do partido teriam levado propina. Mas também há menções a episódios em que houve divergências internas, como na definição de quem…

Read More

Apontado como indicado por Temer para receber propina, Rocha Loures entrega mala com R$ 500 mil à PF

      SÃO PAULO – O deputado afastado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) entregou na sede da Polícia Federal de São Paulo na noite desta segunda-feira a mala com R$ 500 mil. A informação, antecipada pelo jornal “Folha de S.Paulo”, foi confirmada nesta terça-feira pelo GLOBO. Ainda não se sabe qual será o destino da mala: se será analisada pela força-tarefa em Brasília ou se permanecerá na Superintendência da Polícia Federal em São Paulo. Em delação, Joesley Batista afirmou que Rocha Loures foi indicado pelo presidente Michel Temer para tratar…

Read More